Notícias


Cerca de 3 mil veículos circularam pelo corredor humanitário, na Capital, nas madrugadas de sábado e domingo

Prefeitura de Porto Alegre decidiu manter a medida durante esta semana
19/05/2024 Ascom Prefeitura de Porto Alegre – Foto: Divulgação

O corredor humanitário seguirá aberto para veículos de passeio nas madrugadas no horário das 22h até às 5h durante esta semana. Após dois dias de experiência, o primeiro no horário da meia-noite às 5h, e o segundo antecipando em duas horas essa janela, a prefeitura decidiu manter a medida. Somando o fluxo das duas madrugadas, 18 e 19, cerca de 3 mil veículos passaram pelo local construído com o objetivo de agilizar o abastecimento dos serviços essenciais da cidade.


Ao longo de todo o sábado, passaram aproximadamente 19 mil carros. “Nossas equipes acompanharam durante a madrugada a movimentação e pela experiência dos dias anteriores resolvemos manter a liberação. Nesse horário não há prejuízo aos serviços essenciais e abastecimento da cidade, por isso ficará aberto a quem quiser utilizar a rota”, destaca o diretor-presidente da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), Pedro Bisch Neto.


A partir desta segunda-feira, 20, das 5h às 22h, além dos veículos já autorizados poderão circular pelo corredor vans escolares e taxistas. “A partir da ampliação na última semana e de acordo com o acompanhamento do fluxo, ampliamos para outros públicos que também precisam desse acesso rápido. Pedimos que aqueles motoristas que não se enquadrem acessem Porto Alegre pela ERS-118”, comenta Bisch Neto. O filtro será feito na Osvaldo Aranha com a Paulo Gama e na BR-290, próximo à entrada da Castelo Branco, ambos por agentes de fiscalização da EPTC.


Estão autorizados a circular no corredor humanitário caminhões de até 4,20 metros de altura com suprimentos para abrigos/hospitais/mercados/farmácias, viaturas em serviço e identificadas como Prefeitura de Porto Alegre, Governo do RS, Governo Federal e Forças Armadas, ambulâncias, viaturas de segurança, profissionais da área médica em atividades essenciais, vans escolares, táxis e ônibus intermunicipais e metropolitanos.


Tanto os ônibus metropolitanos quanto os intermunicipais para acessar o corredor precisam de um adesivo, que foi disponibilizado pela prefeitura às empresas e deverá ser colado no para-brisa dianteiro dos veículos.


Operação - No sentido litoral-Capital, o motorista vem da Freeway, desce o viaduto, acessa o trecho de pedras do corredor e, depois, entra na Sarmento Leite, Osvaldo Aranha ou João Pessoa. No sentido Capital-litoral, o motorista segue pela Osvaldo Aranha, acessa a Sarmento Leite na contramão, continua pelo Túnel da Conceição pela contramão e passa pelo trecho de pedras do caminho humanitário até chegar na Castelo Branco.



Para conferir as últimas notícias, acesse aqui. Siga o site Portal de Camaquã, nas redes sociais:  





MAIS NOTÍCIAS