Notícias


Festival do Peixe na Z3 recebe grande público, em Pelotas

Recursos obtidos durante o Festival ajudarão a finalizar as obras da agroindústria de pescados da Z3
21/10/2019 Ascom Prefeitura de Pelotas / Daiane Santos – Fotos: Michel Corvello
Anterior Próximo

No domingo, dia 20 de outubro de 2019, a Colônia de Pescadores Z3 foi palco do Festival do Peixe, promovido pela Prefeitura, sob responsabilidade da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), com apoio Emater, Associação de Feirantes Pescadores Artesanais de Pelotas e Sindicato dos Pescadores.

Centenas de pessoas prestigiaram o evento, incluindo a Prefeita Paula Mascarenhas e o vice-prefeito Idemar Barz. Na programação, que se iniciou às 9h e foi até às 18h30min, apresentações musicais e artísticas, além de comida típica, com destaque para a tainha e a anchova assadas.

Durante a abertura oficial do evento, a prefeita parabenizou os pescadores pela iniciativa, destacando a luta diária da categoria para tirar da pesca o sustento.

“O Poder Público sempre será parceiro da comunidade da Z3 e tudo que pudermos fazer, para ajudar os pescadores e pescadoras daqui, será feito”, disse a gestora, reforçando a importância da festividade deste domingo para aproximar a zona urbana da rural.

“Apesar de difícil, o modo de vida dos pescadores é muito bonito e inspirador, e este Festival é uma forma de mostrar um pouco desse dia a dia e o resultado do esforço diário desses trabalhadores”, argumentou a prefeita.

O secretário de Desenvolvimento Rural, Jair Seidel, informou que os recursos angariados na festa serão revertidos para a ativação da agroindústria de pescado da Z3, possibilitando que o peixe comercializado nas feiras e bancas da cidade tenham procedência, conforme exigido pelos órgãos sanitários e fiscalizatórios, o que inclui a SDR.

“O peixe também precisa ser inspecionado para ser comercializado. Essa agroindústria representa um passo à frente, pois vai garantir a qualidade do pescado da Z3, beneficiando os pescadores e também os consumidores”.

As antigas instalações – fechadas há dez anos - estão sendo reformadas desde agosto, ganhando áreas adequadas para manipulação, beneficiamento e acondicionamento do pescado.

“Estamos gratos pela presença de todos. Ver todas essas pessoas nos prestigiando e ajudando é muito bom e motivador”, afirmou a presidente da Associação de Feirantes, Adriana Chagas. Para ela, o público surpreendeu a organização do evento, que esperava um número menor de visitantes. “No ano que vem, já vamos aumentar a estrutura para receber melhor ainda a todos”.

A festa

Além de shows de bandas locais, o Festival contou com uma programação variada, com brinquedos infláveis para a criançada, bancas de artesanato e pratos típicos. Se a tainha e a anchova foram as rainhas da festa, o bolinho de peixe e o pastel de camarão foram os reis, disputando a preferência de quem aproveitou o dia para conhecer a Z3. A aposentada Cida Silva, de 73 anos, na companhia das filhas, aprovou o evento, prometendo voltar sempre que possível.


MAIS NOTÍCIAS