sexta-feira, 30 de novembro de 2018

CHARQUEADAS - ADOLESCENTE MORRE APÓS SER ESFAQUEADO EM FRENTE À ESCOLA ASSIS CHATEAUBRIAND

Um adolescente de 17 anos morreu após ser esfaqueado na noite de terça-feira, dia 27 de novembro de 2018, durante uma briga em frente ao Instituto Estadual de Educação Assis Chateaubriand, em Charqueadas, na Região Carbonífera do Rio Grande do Sul.

Segundo a polícia, M. S. F. estava em frente a escola, por volta das 22h30, quando outro jovem o atacou.

De acordo com delegado Marco Schalmes, o adolescente foi atingido por duas facadas, no tórax e no abdômen. A polícia já tem um suspeito para o caso. O jovem teria fugido do local após o crime.

Segundo a diretora da escola, Ana Cristina Flores de Paula, M. S. F. foi aluno do ensino fundamental da instituição, há seis anos, e o outro jovem, suspeito do crime, era aluno do terceiro ano e fazia uma prova de português minutos antes da briga.

"Vejo isso como uma fatalidade. Nossa escola é zero violência. Não temos histórico de violência aqui", explica.

Ana Cristina disse que uma aluna chegou a entrar na escola avisando que havia um grupo brigando do lado de fora. Os professores fecharam as portas para proteger os estudantes e chamaram a Brigada Militar. Pais, que chegavam para buscar os filhos, acompanharam a discussão.

O jovem que morreu estaria acompanhado de outras pessoas e o suspeito da agressão deixava a escola com a namorada. Ele chegou a se esconder dentro do colégio, mas não foi localizado pela Brigada.

A escola de ensino fundamental, médio e técnico tem 920 alunos. De acordo com a diretora, alunos e professores estão abalados com o que aconteceu.

"Nós vamos fazer um manifesto nesta quinta-feira (29), às 9h. Vamos sair aqui da escola e ir até o Centro da cidade para as pessoas perceberem que não estamos alheios a esse horror."

Na noite de quarta, a escola foi comunicada que recebeu o Prêmio FALA (Formando Adolescentes na Luta Antiviolência), destinado a alunos de escolas públicas e privadas que trabalham em sala de aula questões sociais e de respeito a vida.

A vítima chegou a ser levada ao Hospital de Charqueadas, mas não resistiu aos ferimentos. A Polícia Civil não soube informar o motivo da briga. O caso está sendo investigado. (Por G1 RS | Foto: Reprodução/Facebook)

0 comentários:

Postar um comentário

Comente essa notícia!

DIVULGUE SUA EMPRESA NO CANAL DE NOTÍCIAS MAIS ATUALIZADO DA REGIÃO

Divulgue sua empresa no canal de notícias mais atualizado da região.

Como diz o ditado: “Quem não é visto, não é lembrado”. No Portal de Camaquã, sua empresa será vista por milhares de leitores todo o dia. E o melhor de tudo, é que o investimento cabe direitinho no seu bolso!

Envie agora mesmo um e-mail para camaquaonline@gmail.com.