terça-feira, 2 de outubro de 2018

CAMAQUÃ - I ENCONTRO REGIONAL DE SAÚDE MENTAL DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE

Na sexta-feira, dia 28 de setembro de 2018, aconteceu no Cine Teatro Coliseu, o I Encontro Regional de Saúde Mental da Criança e do adolescente. 

Com a proposta de refletir os riscos da ideação suicida na infância e adolescência, em alusão ao setembro amarelo, mês de prevenção contra o suicídio, o evento contou com a presença de muitos educadores e profissionais que atuam na área da saúde e serviço social da região.

A abertura do encontro foi feita pelos secretários da educação e da saúde. A secretária Eva Rosi Bueno Nunes evidenciou a importância dos professores se fazerem presentes demonstrando o comprometimento dos educadores com o bem-estar das crianças. Enquanto o secretário da saúde, Luciano Pereira Dias, chamou atenção para a importância do papel do CAICA junto às escolas numa ação preventiva através do projeto CAICA na escola.

Em seguida a coordenadora do centro terapêutico El Shadai, Miranda Bueno, falou do trabalho de valorização à vida realizado na comunidade, e da importância da Educação de Jovens e Adultos - EJA, implantada este ano no El Shadai em parceria com a SME, para a recuperação dos atendidos.

O coral do grupo de valorização à vida do centro El Shadai fez a apresentação de abertura e foi aplaudido de pé pelo público presente em um momento de grande emoção.

A primeira palestrante da tarde, foi a psicóloga e professora da faculdade Anhanguera de Rio Grande, Taffini Britto, que falou sobre os sintomas, motivações e riscos da ideação suicida. Enfatizou a importância do papel do professor na vida da criança e adolescente e de como é possível auxilia-los a partir da observação e direcionamento ao trabalho clínico.

A segunda palestra ficou por conta da psicóloga do CAICA e professora de sala de recursos Alessandra Ribeiro, que versou sobre a influência do professor no desenvolvimento das crianças e adolescentes e também sobre a valorização do profissional de educação, ressaltando que embora exaustivo, o trabalho docente é extremamente significativo e que a autoestima e saúde mental deste profissional deve ser tratada com seriedade para que o seja realizado com qualidade.

A apresentação de encerramento foi do grupo de danças do CRAS Cônego Walter composto por meninas adolescentes que encantaram com a coreografia proposta pela professora Daiane Ávila.  (Ascom Prefeitura | Foto: Divulgação)






0 comentários:

Postar um comentário

Comente essa notícia!

DIVULGUE SUA EMPRESA NO CANAL DE NOTÍCIAS MAIS ATUALIZADO DA REGIÃO

Divulgue sua empresa no canal de notícias mais atualizado da região.

Como diz o ditado: “Quem não é visto, não é lembrado”. No Portal de Camaquã, sua empresa será vista por milhares de leitores todo o dia. E o melhor de tudo, é que o investimento cabe direitinho no seu bolso!

Envie agora mesmo um e-mail para camaquaonline@gmail.com.