quarta-feira, 13 de junho de 2018

PELOTAS - JUSTIÇA DETERMINA INTERDIÇÃO PARCIAL DO PRESÍDIO REGIONAL

A Justiça determinou a interdição parcial do Presídio Regional de Pelotas, na Região Sul do Rio Grande do Sul. Nenhum preso da região está sendo encaminhado para o local. 

Os detentos que estão nas delegacias permanecerão nos locais ou serão encaminhados para outras penitenciárias da região. A determinação judicial atinge as quatro grandes galerias, e vale até setembro deste ano.

De acordo com o juiz Régiz Vanzin, que pediu a interdição, a casa prisional apresenta uma taxa de ocupação de 297%, sendo que o Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária recomenda que esse índice seja de até 137,5%.

Segundo a Superintendência de Serviços Penitenciários (Susepe), atualmente, 1.050 presos vivem no local, que tem capacidade para 400. Uma das medidas que o órgão tomou foi aumentar o número de detentos com tornozeleira eletrônica. 

Hoje são 50. A partir desta quarta-feira, dia 13 de junho de 2018, a expectativa é de que mais 200 presos recebam o equipamento e não retornem à penitenciária.

Em 21 de maio, duas alas do Presídio Regional de Pelotas tinham sido interditadas. A Justiça considerou na época que os presos estavam recolhidos em espaços com condições precárias. (Por RBS TV - Foto: Reprodução/RBS TV)


0 comentários:

Postar um comentário

Comente essa notícia!

DIVULGUE SUA EMPRESA NO CANAL DE NOTÍCIAS MAIS ATUALIZADO DA REGIÃO

Divulgue sua empresa no canal de notícias mais atualizado da região.

Como diz o ditado: “Quem não é visto, não é lembrado”. No Portal de Camaquã, sua empresa será vista por milhares de leitores todo o dia. E o melhor de tudo, é que o investimento cabe direitinho no seu bolso!

Envie agora mesmo um e-mail para camaquaonline@gmail.com.