sexta-feira, 25 de maio de 2018

INFORMATIVO - UNIVERSIDADES SUSPENDEM AULAS NESTA SEXTA E NO SÁBADO POR CAUSA DA GREVE DOS CAMINHONEIROS

Cinco universidades anunciaram suspensão de aulas, em função das dificuldades de deslocamento ocasionadas pela greve dos caminhoneiros, que já chega ao seu quarto dia na quinta-feira, dia 23 de maio.

Na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), as aulas da sexta-feira, dia 25, e sábado, dia 26, foram suspensas. Os concursos públicos previstos para essas datas também estão suspensos, de acordo com a instituição. As demais atividades têm funcionamento normal.

A Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc) suspendeu as aulas nesta quinta-feira (24), em todos os campi da universidade. Segundo comunicado, caso o mesmo quadro persista amanhã, as aulas seguirão suspensas.

A Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (UERGS) também suspendeu as atividades letivas e administrativas na noite de quinta-feira, e na sexta-feira e sábado. A mesma medida foi tomada pela Universidade de Cruz Alta (Unicruz).

A Feevale informou que serão suspensas as aulas nesta sexta-feira e no sábado. PUCRS, Ulbra, Unisinos, Unilasalle e FURG não cancelarão as aulas, segundo comunicados publicados em seus sites. Alunos que faltarem em função das dificuldades de deslocamento, no entanto, não serão penalizados.

O Sindicato do Ensino Privado do RS orienta as instituições a avaliarem as condições de sua localidade para decidir sobre o seu funcionamento ou não.

Caso a instituição mantenha seu funcionamento normal, é indicado que provas e trabalhos sejam transferidos para não prejudicar quem não consiga chegar à escola. Em caso de cancelamento, aulas deverão ser recuperadas, para cumprir o calendário escolar. Diante de novas informações, o SINEPE/RS voltará a se manifestar através de seus canais de comunicação.

Ensino básico estadual

A Secretaria Estadual de Educação (Seduc) orientou a todas Coordenadorias Regionais de Educação (CREs) a manterem normalmente o funcionamento das escolas nesta sexta-feira (25). Problemas pontuais em que devido à falta de transporte – escolar ou público – houver impedimento da chegada de alunos ou professores nas escolas serão tratados caso a caso pela respectiva Coordenadoria.

E, caso seja necessário, as aulas que forem perdidas devido à greve serão recuperadas junto às escolas que forem afetadas. (Por: G1 RS - Foto: Divulgação)


0 comentários:

Postar um comentário

Comente essa notícia!

DIVULGUE SUA EMPRESA NO CANAL DE NOTÍCIAS MAIS ATUALIZADO DA REGIÃO

Divulgue sua empresa no canal de notícias mais atualizado da região.

Como diz o ditado: “Quem não é visto, não é lembrado”. No Portal de Camaquã, sua empresa será vista por milhares de leitores todo o dia. E o melhor de tudo, é que o investimento cabe direitinho no seu bolso!

Envie agora mesmo um e-mail para camaquaonline@gmail.com.