sexta-feira, 18 de maio de 2018

INFORMATIVO - TÉCNICOS DO TCU NEGAM REAJUSTE EM CONTRATOS PARA DUPLICAÇÃO DA BR-116

O Tribunal de Contas da União (TCU) negou o pedido para o contrato das empresas responsáveis pela duplicação da BR-116 tenha o valor reajustado. As empresas alegam que o asfalto teve três reajustes em seis meses, o que impede a conclusão de trechos como os de Tapes, Turuçu e Pelotas, que estão com os trabalhos parados.

Os técnicos do TCU informaram aos deputados da bancada gaúcha em Brasília que o valor dos contratos não pode ter aumentos além dos previstos anualmente. Uma comitiva de parlamentares e prefeitos gaúchos foi à capital federal em busca de mudanças nas regras que permitissem o reajuste dos valores.

No entanto, para os técnicos do TCU, para que o reajuste aconteça, deve ficar comprovado o desequilíbrio financeiro dos contratos. Nessa análise são incluídos outros gastos, e não somente a compra de asfalto.

Já o Sindicato da Indústria da Construção alega que o governo federal descumpriu o contrato em diversas oportunidades, com o atraso de pagamento por serviços já executados.

As empresas afirmam ainda que a Lei de Licitações prevê reajustes em caso em imprevistos, como os reajustes do asfalto, e que enquanto não for encontrada solução para o impasse, os trabalhos nos três trechos que estão paralisados não devem ser retomados. (Por: G1-RS – Divulgação)

 

0 comentários:

Postar um comentário

Comente essa notícia!

DIVULGUE SUA EMPRESA NO CANAL DE NOTÍCIAS MAIS ATUALIZADO DA REGIÃO

Divulgue sua empresa no canal de notícias mais atualizado da região.

Como diz o ditado: “Quem não é visto, não é lembrado”. No Portal de Camaquã, sua empresa será vista por milhares de leitores todo o dia. E o melhor de tudo, é que você o investimento cabe direitinho no seu bolso.

Envie agora mesmo um e-mail para camaquaonline@gmail.com.