sábado, 27 de janeiro de 2018

RIO GRANDE - REUNIÃO DISCUTE VALOR DOS REPASSES À SANTA CASA NO ANO DE 2018

O Governo do Estado, prefeitura de Rio Grande e administração do Complexo Hospitalar Santa Casa discutiram, na quarta-feira, dia 24 de janeiro, em reunião no Palácio Piratini, os repasses financeiros para a instituição em 2018. O encontro foi mediado pelo secretário-chefe da Casa Civil (CC), Fábio Branco.

Segundo o diretor adjunto do Departamento de Assistência Hospitalar e Ambulatorial da Secretaria da Saúde (Daha/SES), Rogério Sele da Silva, nos últimos anos, a Santa Casa de Rio Grande não conseguiu cumprir os atendimentos que haviam sido contratualizados e pagos antecipadamente com recursos do Ministério da Saúde (MS). Isso ocasionou a redução gradual do valor dos repasses, que, em 2016, foram de R$ 73 milhões e, em 2017, somaram R$ 59 milhões.

Em 2018, em razão de nova redução do número de atendimentos no ano anterior, a previsão era de que os repasses ficassem na casa dos R$ 46,5 milhões. 

A administração da Santa Casa, no entanto, solicitou ao governo do Estado a manutenção do valor contratado em 2017, que foi de R$ 59 milhões. A argumentação do diretor Régis Silva, que assumiu o comando da instituição há pouco menos de um ano, é de que foi dado início a um processo de profissionalização da gestão, com a melhoria dos indicadores de atendimento à população nos últimos meses.

“Tivemos um agravamento dos problemas de gestão da Santa Casa nos últimos anos. Isso aumentou a dependência dos incentivos pagos pelo Estado. O que queremos é encontrar uma saída viável, para que o hospital melhore os índices de atendimento e possa receber uma fatia maior de repasses”, afirmou o secretário-chefe da Casa Civil.

Ele também explicou que o governo do Estado vem tomando uma série de medidas administrativas e legislativas para reduzir despesas e melhorar o fluxo de caixa. Isso permitirá que o valor dos incentivos estaduais, que hoje tem sido quitado com atrasos, possa ser pago na data correta.

“O sucesso das medidas que o governo está planejando fará com que tenhamos a condição de honrar os compromissos do Estado em dia, entre eles, os repasses na área da Saúde para hospitais e municípios”, declarou.

Também participaram do encontro o coordenador regional de Saúde, Gabriel Andina; o secretário municipal de Saúde, Maicon Lemos; o primeiro vice-presidente da Santa Casa, Ruben Bonato; o diretor técnico do hospital, Evandro Oss; o superintendente de Faturamento, Ângelo Nunes; e as advogadas Acácia Warasusi e Sheila Greff.

Uma nova reunião técnica para discutir o valor dos repasses para a Santa Casa de Rio Grande em 2018 deve ocorrer nesta segunda-feira, dia 29 de janeiro de 2018, na Secretaria da Saúde. (Texto: Roberto Witter/Ascom CC, Edição: Sílvia Lago/Secom -  Foto: Nabor Goulart/CC


0 comentários:

Postar um comentário

Comente essa notícia!

DIVULGUE SUA EMPRESA NO CANAL DE NOTÍCIAS MAIS ATUALIZADO DA REGIÃO

Divulgue sua empresa no canal de notícias mais atualizado da região.

Como diz o ditado: “Quem não é visto, não é lembrado”. No Portal de Camaquã, sua empresa será vista por milhares de leitores todo o dia. E o melhor de tudo, é que o investimento cabe direitinho no seu bolso!

Envie agora mesmo um e-mail para camaquaonline@gmail.com.