GUAÍBA - PREFEITURA DRIBLA CRISE, ANTECIPA DIA DE PAGAMENTO E PAGA PARCELA DE 13º PARA SERVIDORES

O novo modelo de gestão da Prefeitura de Guaíba começa a fazer a diferença na vida dos atuais 1718 servidores. Apesar da crise que assola diversos municípios, já é possível colher os primeiros resultados de um choque inteligente de economia.

O prefeito José Sperotto, na presença do presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Guaíba (SindiGuaíba), José Dalton Nesbeda, garantiu:

“São muitos os prefeitos que estão tendo dificuldade para sequer pagar os salários em dia. Vamos conseguir manter o compromisso com a nossa folha de pagamento e ainda adiantar 40% do décimo terceiro para os nossos servidores. A mudança no sistema foi radical e entendo que, num primeiro momento, pode não ter agradado alguns. Afinal, cortamos horas-extras, alteramos contratos com empresas, diminuímos secretarias e tomamos decisões pontuais visando encarar com vigor a crise”, explicou.

Além do adiantamento do décimo terceiro, em junho, Sperotto também anunciou antecipações no dia de pagamento. A partir de julho, os rendimentos chegarão ao servidor antes do último dia útil do mês (27 de julho, 29 de agosto, 27 de setembro, 27 de outubro, 28 de novembro, 27 de dezembro e com a última parcela do décimo terceiro a ser paga em 20 de dezembro).

Sperotto reconhece que é consequência de comprometimento da equipe e da confiança do quadro de servidores: “É uma conquista de cada um. A crise é muito mais séria do que se fala. Não fossem as adequações que fizemos, não estaríamos conseguindo oferecer nem mesmo o básico para a nossa cidade. Qualquer pessoa que estivesse na administração teria toda essa dificuldade. Estamos enfrentando com os pés no chão, um passo de cada vez, contando com uma equipe altamente qualificada. Por isso, já temos mais essa boa notícia em apenas cinco meses”, completou o prefeito.

Outra notícia importante para os servidores são as tratativas para a contratação de empresa para elaboração de Laudo Técnico das Condições Ambientais do Trabalho (LTCAT), do Programa de Prevenção de Riscos Ambientais (PPRA) e coordenação do Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional (PCMSO).

A iniciativa vai atualizar o laudo (Lei 1.523/2000), o qual embasa atualmente o pagamento de insalubridade para os servidores e, ainda, implementar rotinas de saúde ocupacional na Prefeitura de Guaíba. (Ascom Prefeitura - Foto: Gustavo Gossen)
 
 

0 comentários:

Postar um comentário

Comente essa notícia!

Você é a favor do trânsito na Bento Gonçalves ser única mão, próximo à rótula do Rua 7 de Setembro?

Como você avalia o Governo Ivo, nos três primeiros meses?

Você aprova a alteração de trânsito realizada na Av. Bento Gonçalves esquina com Sete de Setembro?

Você concorda em liberar os CCs de bater ponto, como ocorreu na Câmara de Vereadores da Capital?

O trânsito de Camaquã melhorou com a atuação dos agentes de trânsito?

Vereadores de Camaquã aprovaram o projeto que cria o estacionamento rotativo. Você é: