GUAÍBA - DETENTAS DA PENITENCIÁRIA ESTADUAL FEMININA FORMAM-SE EM CURSO DE CORTE E COSTURA

Na segunda-feira, dia 29 de maio, seis detentas da Penitenciária Estadual Feminina de Guaíba (PEFG) formaram-se no curso de Corte e Costura.

A capacitação integra o projeto Fio de Esperança, conduzido pela Associação Beneficente São José de Guaíba, Projari, com o apoio do Instituto Lojas Renner e da Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe). O curso oferece direito à remição de pena.

As aulas foram ministradas por professoras do Projari e as sete máquinas (costura reta, overloque e galoneira) foram doadas pelo Instituto Lojas Renner, para a penitenciária, que vai seguir com o projeto e estimular o trabalho prisional.

A cerimônia de formatura, ocorrida no pátio da penitenciária, contou com um desfile de peças produzidas pelas apenadas, com cinco presas como modelos. 

Foram calças, camisetas e bermudas do uniforme do sistema prisional. A ideia é expandir a produção, ampliando a confecção. (Texto: Caroline Paiva/Ascom Susepe - Edição: Denise Camargo/Secom -  Foto: Caroline Paiva/Susepe)

 

0 comentários:

Postar um comentário

Comente essa notícia!

Você é a favor do trânsito na Bento Gonçalves ser única mão, próximo à rótula do Rua 7 de Setembro?

Como você avalia o Governo Ivo, nos três primeiros meses?

Você aprova a alteração de trânsito realizada na Av. Bento Gonçalves esquina com Sete de Setembro?

Você concorda em liberar os CCs de bater ponto, como ocorreu na Câmara de Vereadores da Capital?

O trânsito de Camaquã melhorou com a atuação dos agentes de trânsito?

Vereadores de Camaquã aprovaram o projeto que cria o estacionamento rotativo. Você é: