SÃO LOURENÇO DO SUL - MUNICÍPIO FALOU EM NOME DE 72 MUNICÍPIOS NO LANÇAMENTO DO PROGRAMA CRIANÇA FELIZ

São Lourenço do Sul foi escolhida para falar em nome de 72 municípios no evento de lançamento do Programa Criança Feliz, no Palácio Piratini na segunda-feira, dia 10 de abril.

Em nome dos prefeitos, a criadora do PIM e secretária municipal da Saúde de São Lourenço do Sul, Arita Bergmann, ressaltou que “não podemos mudar a direção dos ventos, mas podemos mudar a vida de milhares de crianças do Rio Grande do Sul”.

Arita firmou que políticas públicas como o PIM e o Criança Feliz “fazem a diferença na vida das famílias e dos municípios” e agradeceu a presença do prefeito Rudinei Harter e cumprimentou todos os prefeitos que aderiram o Programa Criança Feliz no estado do Rio Grande do Sul.

O Ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, salientou que os primeiros mil dias de vida da criança são os mais importantes, pois ela somente chegará à universidade se nesses primeiros dias tenha recebido cuidado, carinho e dedicação e for nutrida pela mãe e pelo acolhimento familiar. O ministro também saudou o PIM, que é exemplo no Brasil e há 14 anos também é exemplo da política da primeira infância no Rio Grande do Sul.

O governador do Rio Grande do Sul, José Ivo Sartori, destacou a importância do trabalho integrado entre as políticas publicas no sentido de fortalecer as ações do Criança Feliz. A pequenez política e ideológica dificulta o trabalho integrado e nos faz pequenos diante do tamanho da missão de cuidar das crianças do nosso estado.

Sartori também afirmou que as pessoas não moram no estado, elas moram nos seus municípios, nos seus bairros, na sua comunidade, na colônia e no interior, e é lá que elas precisam de atenção e cuidado, por isto a importância desta parceria com todos os municípios para desenvolver o Programa Criança Feliz.

O programa prevê o acompanhamento de: gestantes; crianças de zero a três anos e suas famílias, beneficiárias do Bolsa Família; crianças com deficiência, de até seis anos que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC), incluindo as vítimas de microcefalia por zika vírus; e a criança de até seis anos, afastada do convício familiar em razão da aplicação de medida de proteção.

Criança Feliz em São Lourenço do Sul


Em nosso município já foi realizado a criação do Comitê Gestor do programa, segundo o decreto nº 4582, o qual instituiu os nomeados, constituídos da seguinte forma: Secretário de Desenvolvimento Social e Habitação Bruno Leitzke, Secretária de Educação, Cultura e Desporto Adriana Soares, Secretária de Saúde Arita Bergmann, e Secretário Especial de Gabinete Valdoir Ribeiro.

O Projeto de lei para contratação de bolsista/visitador já foi aprovado na Câmara de Vereadores, e o prefeito Rudinei Harter estará sancionando nos próximos dias. O município também já enviou a Câmara o projeto de dotação orçamentária, e nos próximos dias enviará o projeto de lei que determina a contratação do cargo de supervisor.

O total de crianças que fazem parte do publico alvo, de acordo com o bolsa família, é de 290. Em um primeiro momento serão atendidas 150 crianças, neste momento em que é realizada a pactuação do convênio, porém já foi pedido o aumento de meta para o Ministério do Desenvolvimento Social. (Ascom Prefeitura) 



0 comentários:

Postar um comentário

Comente essa notícia!

Você é a favor ou contra a compra da Usinde Asfalto para Camaquã, por cerca de R$ 5 milhões?

Você é a favor ou contra o Horário de Verão?

Você é a favor do trânsito na Bento Gonçalves ser única mão, próximo à rótula do Rua 7 de Setembro?

Como você avalia o Governo Ivo, nos três primeiros meses?

Você aprova a alteração de trânsito realizada na Av. Bento Gonçalves esquina com Sete de Setembro?

Você concorda em liberar os CCs de bater ponto, como ocorreu na Câmara de Vereadores da Capital?

O trânsito de Camaquã melhorou com a atuação dos agentes de trânsito?

Vereadores de Camaquã aprovaram o projeto que cria o estacionamento rotativo. Você é: