RIO GRANDE - HOMEM É PRESO APÓS SER FLAGRADO COM 520 QUILOS DE CARNE SEM PROCEDÊNCIA

A Patrulha Ambiental (Patram) de Rio Grande apreendeu quatro capivaras abatidas uma propriedade rural da cidade. Foi depois de uma denúncia anônima que chegou à corporação na segunda-feira, dia 24.

No local, a guarnição localizou dentro da caçamba de uma S-10, os animais carneados, sem vísceras e couraças (100 quilos de carne, que posterior foi destinada a Empresa Faros para destruição por ser imprópria para o consumo).

Os policiais localizaram ainda três cabeças com espinhaços jogados aos cachorros que vivem no local como alimento. Segundo a Patram, não foram achadas armas de fogo, nem indícios de comércio da carne. Segundo o dono da propriedade, o abate dos animais era apenas para alimentar seus cães.

No entanto, os PMs que atuaram na ocorrência descobriram que o suspeito tinha um açougue na cidade e, acompanhados de uma equipe da Vigilância Sanitária, fizeram uma vistoria no estabelecimento.

Na parte dos fundos do imóvel, a polícia encontrou armazenado em freezers aproximadamente 520 quilos de carne sem procedência e em condições impróprias para o consumo humano.

O proprietário recebeu voz de prisão em flagrante delito e foi levado à Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), onde foi autuado em flagrante delito pelos crimes previstos na Lei 8.137/90 que define os crimes contra a Ordem Tributária, Econômica e Relações de Consumo, no artigo 7º, inciso nono.

Após, o indivíduo foi conduzido à Penitenciária de Rio Grande (Perg). As carnes foram apreendidas pela Vigilância Sanitária e destinadas ao aterro sanitário do Povo Novo. Denúncias podem ser feitas pelos telefones (53) 3309-5380, Rio Grande ou (53) 3225-3722, Pelotas. (Diário Popular - Foto: Patram)


0 comentários:

Postar um comentário

Comente essa notícia!

Você é a favor ou contra o Horário de Verão?

Você é a favor do trânsito na Bento Gonçalves ser única mão, próximo à rótula do Rua 7 de Setembro?

Como você avalia o Governo Ivo, nos três primeiros meses?

Você aprova a alteração de trânsito realizada na Av. Bento Gonçalves esquina com Sete de Setembro?

Você concorda em liberar os CCs de bater ponto, como ocorreu na Câmara de Vereadores da Capital?

O trânsito de Camaquã melhorou com a atuação dos agentes de trânsito?

Vereadores de Camaquã aprovaram o projeto que cria o estacionamento rotativo. Você é: